#ATENÇÃO#

Novo endereço:
http://mente-hiperativa2.blogspot.com/

HIPERATIVOS:

#ATENÇÃO#

Novo endereço:
http://mente-hiperativa2.blogspot.com/


15 outubro 2010

O desafio dos relacionamentos: Flexibilidade

Há uma metáfora que gosto muito, dos porcos-espinhos:
" Um grupo de porcos-espinhos, num dia frio de inverno, se aproximaram uns dos outros pra se esquentarem e assim não congelarem. Em um dado momento a proximidade entre eles era tamanha que estavam espetando uns aos outros, ferindo-se, por isso se afastaram de súbito. Rapidamente começaram a tremer de frio, pois junto com a proximidade perderam também o calor que ela proporcionava a eles. Se aproximaram então, novamente, em busca de alívio do frio. Depois se afastaram por conta da dor. Criou-se um ciclo no qual buscavam uma distância confortável entre a dor e a proximidade. "
É exatamente assim que ocorre com os relacionamentos - sejam eles da natureza que forem - é sempre uma busca eterna pelo equilibrio, um ajuste sem-fim, oscilação entre imposição e renúncia. Relacionamento é um desafio que exige muito jogo de cintura e sobretudo flexibilidade.



[Mente Hiperativa]

7 comentários:

Athila Goyaz disse...

O difícil é o equilíbrio, eu até hj nunca consegui.
abraços!

H.Brayan disse...

concordo fielmente nesta metáfora meu caro. na verdade os seres humanos desenvolvem-se diante do convívio de outros, não há evolução sem co-habitação!


vc é genial!


ps: li os dois textos que me indicou. confesso que ri na parte em que diz não imaginar Deus comendo pipoca assistindo a encenação... kkk

enfim. abraço!!

Dario Dariurtz disse...

Ótima metáfora!!! Me fez refletir sobre várias outras coisas. relações humanos é sempre um ótimo assunto para ser tocados. acertou em cheio.

Abraço.

Ana SS disse...

Alteridade.

Paulo D. disse...

Lidar com pessoas não é facil.

Camila Martins disse...

O grande problema e entender, aceitar e conseguir essa flexibilidade... quando nada disso é conseguido, ou um se afasta demais por conta dos espinhos e mesmo morrendo de frio, não acerta o caminho de volta, ou o outro mesmo sangrando, morrendo de dor, não sai de perto para não perder o calor, pura dependência... Excelente metáfora!!

Kati Froes disse...

Totalmente verdade, infelizmente somos assim..

Boa Semana pra vc!!
beijo

Blogo, logo existo.

Blogo, logo existo.
"... E que fique muito mal explicado. Não faço força para ser entendido. Quem faz sentido é soldado..."

Mário Quintana